sábado, 3 de março de 2012

Santa Rita Reserva Carmenére 2007

Depois de um longo e tenebroso inverno o blog volta a suas atividades e espero que, com todo o gás! E volta com um bbb (vulgo bom, bonito e barato) no mundo dos vinhos, pois eu considero uma ótima opção nos vinhos de entrada. E olha que no Chile existem muitos "santas" que são bem ruinzinhos. No caso deste aqui, eu entendo que é um dos melhores desta categoria. De qualquer forma, opinião é opinião. Feito pela gigante Viña Santa Rita (umas das maiores vinícolas chilenas), este vinho é o vinho de entrada da vinícola, feito com uvas 100% Carmenére do Vale do Rapel, no Chile e passa por envelhecimento de 8 meses em barricas de carvalho americanas e francesas de primeiro, segundo e terceiro usos. Vamos as impressões.


Na taça uma cor rubi violácea bem intensa e escura, com certo brilho e lágrimas finas, rápidas e levemente coloridas.

No nariz muito aroma de frutas escuras frescas, especiarias tendendo para pimentas e algo de baunilha e chocolate ao fundo.

Na boca corpo leve-médio, boa acidez, taninos redondos e macios com um retrogosto que remete as mesmas frutas escuras e chocolate sentidos no nariz. O final é um pouco curto, mas já era um pouco esperado

O vinho é bem feito, não tem defeitos e serve perfeitamente para o dia a dia ou mesmo para alguma comemoração sem muita formalidade. Deve ir bem com carnes vermelhas e massas sem muita condimentação, com molho de tomate. Eu gosto e não nego.

Até o próximo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário