quarta-feira, 23 de janeiro de 2019

Feyzi Kutman Monosepage Cabernet Sauvignon 2010

A Vinícola Kutman é uma aventura que começou em 1896 com a iniciativa de Ali Paşazade Ahmet Efendi e continua na família a quatro gerações no Mürefte, na Turquia, a primeira aldeia onde começou. A Vinícola Kutman que processa meticulosamente as uvas de seus próprios 75 acres de vinhedos, bem como uvas coletadas de várias cidades, e assim transformando a variedade geográfica e climática da Turquia em uma vantagem, perseguindo a paixão da família e aumentando seu know-how com cada nova geração. Existem dois fatores importantes na produção de vinho. O primeiro é o conhecimento e a experiência e o segundo é fornecer uva de alta qualidade adequada para o vinho. A Vinícola Kutman está bem ciente da importância das vinhas. Trabalha não apenas com os membros da família, mas também junto com seus funcionários que são agora da família, para transformar a qualidade que vem dos vinhedos em um excelente vinho usando a tecnologia e métodos em desenvolvimento. A regra principal é a seguinte: O vinho pode ser produzido a partir de cada uva, mas cada uva não produz um vinho de qualidade. É por isso que a Vinícola Kutman cultiva as uvas vinícolas primárias e preferidas do mundo, como Cabernet Sauvignon, Merlot, Syrah, Chardonnay e Sauvignon Blanc, usando-as com sucesso em seus vinhos, em parte como monosepage (varietal - vinho produzido com um único tipo de uva), cortes (blend) e oferece-los ao gosto de seus consumidores. Várias espécies de uva locais cultivadas em diferentes regiões da Anatólia também tomam naturalmente o seu lugar na mistura de seus vinhos. As espécies Şenso e Karasakız da região da Trácia, Çalkarası de Denizli, Allicante de Manisa, Kalecik Karası de Ankara, Öküzgözü e Boğazkere de Elazığ e Diyarbakır são indispensáveis ​​para os vinhos tintos, enquanto as variedades Emir de Nevşehir, Sultaniye de Manisa e Semillon são consideradas para os vinhos brancos.


Sobre o Feyzi Kutman Monosepage Cabernet Sauvignon 2010, podemos ainda afirmar que o vinho foi elaborado com uvas 100% Cabernet Sauvignon e maturou por 10 meses em barricas de carvalho francês. Vamos as impressões?

Na taça o vinho apresentou coloração rubi violácea de grande intensidade com algum brilho e limpidez. Lágrimas finas, rápidas e com leve coloração também se faziam notar.

No nariz o vinho apresentou aromas de frutas vermelhas e negras em compota, especiarias, baunilha e alguma lembrança mineral.

Na boca o vinho mostrou corpo médio para encorpado, boa acidez e taninos aveludados. O retrogosto confirma o olfato e o final era de longa duração.

Um belo vinho de um país que ainda não havia provado nada até o momento, a Turquia, e me sinto privilegiado de te-lo feito agora. Vale e muito a prova. Este é mais um vinho do clube de vinhos da Winelands, o clube que eu assino e recomendo.

Até o próximo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário