segunda-feira, 25 de março de 2013

Cantina Biaggio e Rosso Toscano Monnalisa 2009: tudo a ver!

Estou entrando em uma contagem regressiva em minha vida que, como muitos leitores já sabem, tem me consumido bastante tempo e energia,  fazendo com que algumas de minhas atividades paralelas que gosto muito sejam relegadas a um segundo plano. Em paralelo a isso, todo essa movimentação tem dificultado a minha não tão boa memória a agir em seu plano máximo, ocasionando também um afastamento compulsório de outras coisinhas mais. Bom, fiz toda essa introdução pra primeiramente pedir desculpas a meus caros leitores e dizer que sim, o blog ainda está vivo e respirando!

Em um desses finais de semanas passados, depois de alguma correria atrás das coisas para meu casamento e minha mudança, resolvemos nos sentar apreciar uma boa comida. Sem muito titubear escolhemos um reduto italiano na zona norte chamado Cantina Biaggio. A cantina já é um local tradicional na Avenida Brás Leme e tem mais de 25 anos instalada no mesmo local. Conta com uma seleção interessante de massas caseiras e pratos muito bem servidos, que facilmente alimentam 3 pessoas. O destaque, conforme eles mesmos gostam de dizer, fica por conta no entanto do bife a parmegiana. Como não o experimentei ainda, ficarei devendo esta informação. Nosso prato predileto é o rondeli de queijo e presunto, uma delicia. E você inda escolhe o molho que irá acompanhar o prato. Antes porém não esqueça de pedir a porção de torradas de alho, uma tentação por si só e se deixar, você irá se alimentar só com ela, dado seu tamanho "família". Então, escolhido o rondeli optamos pelo molho carbonara, que estava deliciosamente cremoso e com bacon em abundancia. Uma tentação.


No quesito vinhos no entanto, confesso que a cantina fica um pouco a dever e, além da pequena seleção os preços cobrados são um pouco acima do esperado. De qualquer maneira, como eu também queria celebrar este meu atual momento, escolhi um IGT Toscano pra acompanhar a refeição que me pareceu um bom custo benefício. E o escolhido foi o Rosso Toscano Monnalisa 2009, produzido pela Cantina Leonardo Da Vinci localizada em Firenze e com vinhedos em diversas DOCs espalhadas pela Toscana. O vinho é um corte de Merlot(10%) com Sangiovese(90%) e por isso é considerado um IGT. Não passa por madeira. Vamos as impressões?

Na taça uma cor rubi violácea com ligeiro halo aquoso. Lágrimas finas, incolores e bem rapidas compunham ainda o aspecto visual. 

No nariz o vinho apresentou aromas de frutos vermelhos, ligeiro toque de especiarias e ainda lembrança floral (talvez uma herança da Merlot). Aromas bem equilibrados, sem exageros.

Na boca o vinho mostrou corpo médio, boa acidez e ainda taninos finos e macios. Retrogosto trazia frutas essencialmente e tinha um final de média duração.

Um vinho honesto, que valia o quanto fora cobrado no restaurante e foi bem bacana sua combinação com a refeição, deixando um gostinho agradável de boa escolha afinal de contas. Eu recomendo a visita a cantina e o vinho, com certeza.

Até o próximo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário