quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Sim senhor!

Normalmente não me rendo a comédias escrachadas nem nada muito parecido com o gênero porém existe um dos poucos atores que me fazem mudar de idéia: Jim Carrey. Ele é um homem de extremos, podendo nos fazer rir muito como em Ace Ventura, O Máscara e mesmo neste último filme, Sim Senhor, como também pode nos fazer chorar e pensar assim como em Brilho Eterno de Uma Mente Sem Lembranças ou mesmo um mix de ambos como em As Loucuras de Dick e Jane. Porém este filme que dá título a este post me faz pensar se eu deveria ser tão drástico.

A premissa do filme assim como seu roteiro é deveras previsível: um rapaz extremamente negativo e acomodado na vida se inscreve em um programa de auto ajuda bem simples, onde o que ele deve fazer é apenas dizer sim a todo tipo de questionamento que fizerem pra ele. No começo, sua vida se abre em um mar de rosas diante da nova "doutrina" porém com o passar do tempo ele percebe que esta atitude não é tão positiva assim. No entanto, o filme me tocou e me fez pensar um pouco sobre algumas atitudes que tomamos ao longo de nossa vida, se devemos encarar tudo com tanta seriedade (assim como eu faço) e mais do que isso, se devemos nos esconder de alguns desafios que surgem no decorrer dos anos. O elenco equilibrado e o ritmo do filme nos deixam grudados a tela e sempre esperando pela próxima proeza que Jim Carrey irá encarar tendo como premissa sua nova doutrina de vida. Apesar disso, o filme nos deixa um recado (ao menos deixou pra mim) de que os extremos da vida nunca são bons, sendo o extremo positivo tão ruim quanto o extremo negativo em diversos aspectos.

É claro que o filme não é um indicado ao Oscar tão pouco um filme épico que será lembrado ao longo dos tempos mas se encaixou perfeitamente na ocasião em que foi alugado: diversão. E é pensando nisso que eu indico este filme para as pessoas que são sempre muito extremistas na vida a refletirem se um pouco de flexibilidade não ajudaria um pouco a vida de todos nós. E depois de assistirem o filme, percam uns minutinhos me deixando suas opiniões a respeito na caixa de comentários do balaio. Boa sessão!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário