segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

Brindando reveillon com Espumante Club des Sommeliers Brut para a #CBE

Esse mês a #CBE - Confraria Brasileira de Enoblogs, como em outros anos, propôs um desafio aos confrades e confreiras: "espumante de boa relação qualidade x preço, para brindar a chegada de 2016 com muitas garrafas, para os leitores escolherem seus vinhos para o réveillon". E este tema foi proposto pelo Gil Mesquita, do blog Vinho para Todos, que a partir de então assume também a presidência da confraria. A nossa escolha por aqui foi o Espumante Club des Sommeliers Brut. Vamos falar um pouco sobre a marca e sobre o vinho?


Do site do Grupo Pão de Açúcar vem algumas linhas sobre a marca Club des Sommeliers: "Club des Sommeliers é uma marca de vinhos exclusiva do Grupo Pão de Açúcar. Lançada em 2000, a linha possui mais de 60 rótulos de 10 países selecionados pelo enólogo e consultor de vinhos Carlos Cabral. Os vinhos Club des Sommeliers são selecionados nas melhores regiões vinícolas do mundo: França, Itália, Portugal, Espanha, Chile, Argentina, Brasil, África do Sul, Nova Zelândia e Austrália. Em 2011, lançamos a linha Reserva Club des Sommeliers, com vinhos que passam por um processo de envelhecimento em barricas de carvalho. O contato da bebida com a madeira torna-a mais saborosa e encorpada. A grande variedade de rótulos oferece a você vinhos de qualidade a preços acessíveis, com opções para o dia a dia e também para grandes celebrações. Confira nossos rótulos em diversas lojas do Extra e Pão de Açúcar com a garantia e exclusividade do Grupo Pão de Açúcar. Uma marca de vinhos especialmente selecionados para você".

Acrescentando, o Espumante Club des Sommeliers Brut é um vinho feito a partir das uvas Chardonnay e Pinot Noir da Serra Gaúcha, no Rio Grande do Sul feito pelo método tradicional, ou seja, a segunda fermentação é feita na garrafa. Vamos então as impressões?

Na taça o vinho espumante apresentou uma coloração amarelo palha com reflexos verde claro, límpido,brilhante e com boa formação de perlage continua e fina.

No nariz o vinho espumante apresentou aromas de frutos cítricos como abacaxi e maçã verde além de aromas de panificação e tostados.

Na boca o vinho espumante é bem fresco e cremoso, bem agradável. O retrogosto confirma o olfato e o final era de média para longa duração. 

Mais um bom vinho espumante nacional degustado por aqui, uma opção bem econômica e que demonstra todo o potencial do sul do país para a fabricação de espumantes. Tarefa dada é tarefa cumprida, espero que os leitores possam usar as dicas postadas estes mês na #CBE para escolher bem o espumante que fará o brinde da passagem para 2016. 

Até o próximo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário