segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Resumão futebolístico

Como não tive muita inspiração e vontade postar durante o final de semana, venho aqui hoje colocar um resumo de minhas opiniões sobre alguns acontecimentos importantes desde sexta feira até o domingo.

Primeiramente não poderia de me abster de comentar o resultado do sorteio dos grupos para a Copa do Mundo de Futebol da África a ser realizada no ano que vem, em junho/julho de2010. O Brasil caiu no grupo G, que era de preferência da confederação brasileira de futebol (com letra minúscula mesmo) por ter dois jogos na cidade de Joanesburgo e sem deslocamento muito grande para a terceira partida, juntamente com Coreia do Norte (notória a seleção mais fraca desta copa do mundo), Costa do Marfim e Portugal. Muito vem dizendo que é um grupo muito difícil, que o Brasil tem que abrir o olho e coisas assim. Eu penso, um pouco diferente destas opiniões e depois de analisar melhor o sorteio, que realmente é um grupo forte porém nada muito impossível nem com esforço tão desnorteante como tem sido pintado. Veja, Costa do Marfim tem Drogba, Essien, Eboue e outros grandes jogadores da Europa além de ter se classificado de forma invicta para a Copa, certo? Portugal tem Deco, Pepe, Cristiano Ronaldo e Liédison, não é mesmo? Claro, concordo com tudo isso, mas nós também temos craques que jogam em campeonatos fortíssimos na Europa (Júlio César, Maicon, Kaká, Luis Fabiano entre outros, só pra citar um exemplo de cada setor do campo) e temos uma seleção coesa e que vem mostrando um bom futebol e muita unidade ao decorrer do ano vigente. Portanto, se a nossa seleção jogar como seleção brasileira, não vejo grandes percalços em passar por este grupo. E começa a contagem regressiva para junho de 2010.

Já no último domingo pudemos ver um renascimento do futebol carioca no cenário brasileiro (quase das cinzas assim como a figura mítica da Fênix) com o título do Flamengo na série A, o título do Vasco na série B e a salvação da degola na última rodada para Fluminense e Botafogo. Falando um pouco de série A do brasileiro, fica evidente que o nível técnico deste ano foi um dos mais baixos e que a tão pintada competitividade só se deu em grande parte por falta de competência dos principais aspirantes ao título, onde o maior exemplo é o Palmeiras que por metade do campeonato liderou a tabela mas nem se classificou para a Libertadores na derradeira rodada deste final de semana. Mas nada disso tira o brilho da conquista rubro negra, uma vez que o time fez um segundo turno quase perfeito, tendo arrancado quase das últimas posições e vencido o campeonato nas duas últimas rodadas. Destaques para Petkovic e Adriano, que fizeram de 2009 anos de recuperação muito importantes em suas carreiras. Um último ponto a se destacar também é a campanha do Cruzeiro, que na última rodada beliscou a última vaga para a disputa do campeonato sul americano, a Santander Libertadores.

E que venha 2010 !

Nenhum comentário:

Postar um comentário