domingo, 6 de junho de 2010

Up Altas Aventuras

Feriado, frio, sem muita vontade para sair e com uma viagem de férias se aproximando e o resultado mais comum é: assistir a filmes em casa mesmo. E um dos filmes escolhidos foi esta animação da Disney/Pixar "UP - Altas Aventuras". Abaixo, seguem minhas impressões sobre o filme.

Primeiro, um pouco da premissa do filme. Carl é um senhorzinho vendedor de balões de gás para crianças que desde sempre viveu na mesma casa com a então falecida esposa Ellie, a qual conheceu quando ainda era garoto e desde então nunca se separou. Mas com o advento da modernidade, seu terreno é pretendido por um empresário do ramo da construção civil que faz de tudo para conseguir a casa do velhinho. Quando Carl tem uma reação extrema (acerta com sua bengala um rapaz que acidentalmente quebra sua caixa de correio) passa a ser considerado ameaça a sociedade e é "condenado" a ir viver em um asilo. Mas ele planeja uma fuga espetacular se baseando em uma promessa que fez a então falecida esposa. E é a partir dai que toda a ação se desenrola. E bota ação nisso.

Mais do que ação, o filme trata do amor e da cumplicidade! Sim, desde seu início a animação faz questão de desenvolver a história de Carl desde que conhece sua esposa quando criança até o casamento e os anos que viveram juntos. Carl sempre foi a parte caladona do casamento, mas sempre mostrou como era dedicado a esposa e como o casal tinha uma química perfeita entre eles. Por outro lado Ellie era o lado mais agitado e falante, sempre falando e fazendo e tomando as rédeas do relacionamento. É emocionante ver como o casal funciona bem junto e como seus sonhos e anceios parecem estar sempre se encaixando, conectados por suas vontades individuais. E mesmo com o falecimento da esposa, Carl passa seus dias se dedicando a ela e as vontades que eles dividiam em seus dias de vida. E juntamente com toda a ação que se desenvolve com a fuga de Carl o amor e cumplicidade do casal vai desenhando o desenrolar da história. E que história!

Up é um filme triste e divertido ao mesmo tempo, mas acima de tudo um lindo filme que exalta o amor e desenvolve personagens que muito filme de verdade gostaria de fazer. Situações maduras e as vezes até difíceis para crianças compreenderem mas que por outro lado faze de Up o filme mais adulto da Pixar. Vale cada minuto!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário