sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Curiosidade: O que são os taninos?

Os taninos são um tipo de biomolécula de ocorrência natural encontrada em certas madeiras e outras plantas, como o chá, nozes, especiarias e frutas. O vinho recebe seus taninos a partir da casca e das sementes da uva, bem como a partir dos barris de carvalho. Mesmo que os taninos estejam presentes em todos os tipos de vinhos, eles estão em um nível mais elevado e, portanto, mais perceptíveis nos vinhos tintos do que nos vinhos brancos, porque os vinhos tintos são fermentados com suas peles e sementes (e os vinhos brancos são fermentados sem - usualmente).

Os taninos não têm um gosto específico mas sim muito mais como uma sensação que eles conferem quando os "degustamos". Eles são responsáveis por aquela "pegada" que sentimos principalmente em nossa gengiva e parte frontal do maxilar bem como uma sensação de tração em nossa língua. Se você reparar bem, quando ingerimos algum alimento e/ou bebida que faz com que tenhamos aquela sensação de amarramento na boca e automaticamente franzirmos o rosto, esta pode ser a sensação dos taninos.

Os taninos são apenas uma parte da estrutura de um vinho, juntamente com o glicerol, álcool e a acidez. Dependendo da quantidade de tanino de um vinho tem e sua relação com os outros elementos, os taninos podem ser descritos como empoeirados, aveludados, em borracha, firmes, redondos ou mesmo maduros.

Matéria original em www.winespectator.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário