sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Robin Hood

Como o final de semana está chegando vou postar uma última dica de filme para assistir ai com os amigos, namorada(o), pais, irmãos, etc. De modo simplório eu poderia dizer que este novo título de Robin Hood é um filme de origem. Mas eu iria desmerecer e muito o grande filme feito por Ridley Scott tendo Russel Crowe no papel princípal e título do longa. O filme trata ainda mais de amor, de lealdade e traição, de ganância e briga pelo poder, tensão entre nações, etc e tudo isso numa Inglaterra medieval dominada pelo repressão e pelo medo.

O filme narra a origem do mito de Robin Hood quando este está junto ao exército do rei Ricardo Coração de Leão em suas já decandentes cruzadas em busca de pilhagem, submissão e glória barata ao conquistar outros territórios, principalmente franceses, para uni-los ao reino da Inglaterra. Com a morte de Ricardo e a deserção de Robin Hood e seu "bando" (ainda que este bando não estivesse configurado a esta altura da história), Robin passa a ser considerado um fora da lei mas que com o desenrolar da história poderia trazer unidade para a Inglaterra contra seu inimigo, o reino da França. Diversos acontecimentos no entanto fazem com que após as batalhas finais, o então recém empossado rei traia a confiança de todos que lutaram sob o escudo da Inglaterra e passe a perseguir Robin que não vê outra saida ou se refugiar na foresta e viver a margem da sociedade criada a partir de então. É claro que a história é um pouco mais complexa do que estas linhas aqui mas não quero estragar a supresa de quem ainda não viu o filme.
Do lado técnico a escolha dos atores me pareceu acertada, e esta é minha opnião desde a parceria de Russel Crowe com Ridley Scott em "O Gladiador", além da bela Cate Blachett como Marion dá o tom de ternura e fragilidade necessária para contrastar com as cenas mais fortes de batalhas e sanguinolentas. Além disso figurino e fotografia de uma Inglaterra quase feudal marcada no tempo ficaram muito bonitas e bem caracterizadas trazendo ainda mais fidelidade a obra. A trillha sonora e as histórias paralelas, como a da infância de Robin, completam ainda o conjunto.

Enfim, mais um grande filme que merece ser visto pois além de muito bom por si só, mostra ainda uma lado que não havia sido explorado da lenda de Robin Hood.

Nenhum comentário:

Postar um comentário