quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Prosecco Terra Serena DOC Treviso


Sempre quando o sábado chega fica aquela vontade de sair, passear e curtir. E naturalmente estas ações passam por curtir um bom jantar. E melhor ainda se acompanhado de um bom vinho e uma boa companhia. Eu e minha namorada estamos pegando um hábito bem interessante de sempre apreciarmos um bom espumante quando saimos para jantar e isto vai de encontro óbviamente com o que eu vinha descrevendo no início do parágrafo. O escolhido deste final de semana foi o Prosecco Terra Serena, do qual vou falar um pouco mais neste post.

Produzido pela Vinícola Serena, localizada em Treviso, na Itália, este espumante é elaborado a partir de uvas “glera”. Vejam, coloquei entre aspas o nome da variedade da uva pois pesquisando um pouco na internet descobri que anteriormente esta variedade de uva era chamada de prosecco, assim como o tipo de vinho produzido a patir delas mas que agora passou a se chamar glera e prosecco é o nome que se dá uma grande região produtora da cepa. Sei que parece meio confuso e que faltam informações sobre isso, mas assim que tiver mais certeza volto a postar. De volta ao espumante, este exemplar é produzido pelo método charmat, ou seja, sua segunda fermentação acontece em autoclaves de inox em temperatura e pressão controlados. Vamos as impressões.

Na taça ostrou coloração amarelo palha bem claro com leves reflexos verdes. Perlage fina e abundante.

No nariz apresentou aromas de maçã verde e toques florais. Ao fundo era possível notar um leve aroma de fermento. 

Já no paladar formava um bom colchão de espuma, preenchendo bem a boca porém era de certo modo ligeiro e sua lembrança era logo apagada da boca. Por ser um vinho espumante que tem intensão de ser fresco e refrescante eu acho que faltou um pouco de acidez, mas nada que comprometa muito o resultado final. Retrogosto frutado, novamente com a maçã verde percorrendo toda a lingua.

É um espumante gostoso e que vai bem em qualquer ocasião. Mas eu ainda não tenho “litragem” suficiente em proseccos para cravar como boa opcão. Fica a dica e quem conhecer este ou outros proseccos e quiser comentar, fique a vontade.

Saúde!

Nenhum comentário:

Postar um comentário