domingo, 6 de janeiro de 2013

Cave Antiga Brut Rosé: para celebrar o Ano Novo!

Em complementação ao post anterior, não poderíamos deixar de brindar a chegada do novo ano com algumas borbulhas não é mesmo? E o escolhido da noite foi este curioso espumante nacional, o Cave Antiga Brut Rosé. E explicarei o por que do curioso, ao longo do texto.

Para falar um pouco da vinícola, como não a conheço pessoalmente e pouco provei de seus vinhos, segue um descritivo diretamente do site deles: "A Vinícola Cave Antiga nasceu de um sonho dos mais destacados enólogos da Serra Gaúcha e tem orgulho de estar entre as vinícolas que revolucionaram a vitivinicultura brasileira. Fundada em 1998, a Cave Antiga está situada no 3o Distrito de Farroupilha, ocupando um conjunto predial que foi concluído em 1948, localizado numa belíssima região, que tudo faz lembrar a história dos imigrantes italianos." Para maiores informações e complementação desta leitura, sugiro a vocês caros leitores que acessem: www.caveantiga.com.br . 

Será que estava difícil de abrir a garrafa?

Sobre o espumante, o que achei curioso primeiro é que não existe um consenso em minhas fontes de pesquisa sobre quais uvas compõe o corte de vinhos base e segundo, existe a certeza apenas que fora utilizada uma uva tinta (cabernet sauvignon ou merlot) juntamente com a pinot noir e a chardonnay, na elaboração do mesmo. Depois também não descobri qual o método de produção (tradicional ou charmat) do mesmo mas enfim, vamos as impressões.

Na taça uma bonita cor salmão com boa transparência e brilho. Perlage intensa e com bolhas de pequeno porte, com boa duração.

No nariz o espumante mostrou aromas de frutas vermelhas, toques de especiarias e eu posso estar muito enganado, mas senti leve toque animal ao fundo.

Na boca o vinho se mostrou bastante fresco, com boa acidez, perlage fazendo um bom colchão de borbulhas no palato, bom corpo e com retrogosto trazendo muita fruta. Final de certa maneira persistente.

O vinho é interessante e eu recomendo a prova. Tem preço relativamente baixo no mercado (por volta de 30 dinheiros) embora eu tenha ganho esta garrafa, mas que rivaliza com os espumantes nacionais de mesmo valor. E este corte pouco usual de uvas faz a diferença, adicionando um pouco mais de corpo à bebida.

Até o próximo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário