terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Club Des Sommeliers Pinot Noir Nova Zelândia 2010

Como eu disse no post anterior, este final de semana foi recheado de vinhos e chegara a vez do sábado a noite, que depois de muita peregrinação em busca de móveis e outros para a casa que estou montando, era hora de relaxar, tomar um vinhozinho e ver um pouco de seriado na tv. Como não tinha nenhuma garrafa comigo na ocasião, passei no mercado próximo e comecei a vasculhar as prateleiras em busca de algo com algum custo benefício e que fosse um pouco diferente do que eu venho provando. A escolha então recaiu sobre este Club Des Sommeliers Pinot Noir Nova Zelândia 2010. Como já falei um pouco sobre esta linha de vinhos (relembrem aqui e aqui), irei diretamente para os detalhes do vinho em si.


Este exemplar é feito com uvas Pinot Noir plantadas em Central Otago, localizada bem ao sul da ilha sul da Nova Zelândia, uma região montanhosa e um pouco mais fria, com dias ensolarados e noites com temperaturas bem mais amenas principalmente no verão, criando condições interessantes para o cultivo desta uva. Vamos as impressões.

Na taça uma cor rubi de média intensidade, com bastante brilho e boa transparência. Lágrimas finas, rápidas e incolores complementavam o conjunto visual.

No nariz aromas de frutos vermelhos bem maduros, quase lembrando balas de morango por exemplo e toques florais. 

Na boca corpo médio, boa acidez e taninos finos e macios. Retrogosto trazendo frutas vermelhas. Final de média duração.

Mais um bom vinho desta linha exclusiva do Pão de Açúcar que custo por volta de trinta e poucos dinheiros,  e que a meu ver vale o investimento para que possamos conhecer vinhos de outras regiões. Eu recomendo.

Até o próximo!

2 comentários:

  1. Só de ver o "Kiwi" no rótulo já me emociono!
    Vou provar certo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faça isso e não irá se arrepender. Vi que vc esteve por aquelas terras, senti até uma invejinha branca!
      Depois me conte o que achou!
      Bjo

      Excluir