quinta-feira, 9 de maio de 2013

Zuccardi Q Tempranillo 2009

Mais uma noite dessas qualquer ao lado da família, friozinho rondando, comidinha caseira, o que fazer? Abrir um vinhozinho e comemorar a essas "pequenas"coisas que tornam a vida realmente válida, com um sentido pra seguir em frente não é mesmo? E para a tarefa da noite narrada acima, o escolhido foi este argentino de estirpe, o Zuccardi Q Tempranillo, da famosa vinícola argentina Família Zuccardi. 


Já comentei um pouco sobre esta vinícola por aqui, em virtude de já ter degustado alguns de seus vinhos, e sempre tive boas surpresas. E não poderia ser diferente. A história desta vinícola que remonta a meados dos anos 60 e a sua incessante busca pelo aprimoramento e pelo mais alto grau de qualidade corroboram pra isso também. Sobre o vinho, um exemplar 100% Tempranillo de uvas colhidas em Santa Rosa, na região de Mendoza na Argentina, de parreiras com mais de 30 anos de idade e que se encontram a mais de 600 metros acima do nível do mar, podemos ainda afirmar que o mesmo passa por 12 meses em carvalho e mais 12 meses em garrafa antes de ser liberado ao mercado.  Sem maiores delongas, vamos as impressões.

Na taça o vinho apresentou uma cor rubi intensa e quase negra, com certo brilho e de pouca transparência. Lágrimas finas, rápidas e ligeiramente coloridas também completam o aspecto visual.

No nariz o vinho abriu aromas de frutos escuros e vermelhos, especiarias, baunilha e toques de madeira. Todos muito bem integrados e variando com o tempo em taça.

Na boca o vinho tinha uma acidez muito agradável, taninos finos e macios e corpo médio. Retrogosto confirma o olfato e trás também toques de coco. Final de média duração.

Mais um grande vinho da Zuccardi, degustado em companhia de bifes de alcatra ao molho madeira e que foi muito bem. Vale a pena. Este foi um presente de meu grande amigo Perci e eu agradeço demais, acertou em cheio! 

Até o próximo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário