terça-feira, 23 de dezembro de 2014

Ferrari-Carano Fumé Blanc 2013: Peso pesado californiano!

Que eu sou fã dos vinhos americanos muitos de vocês, caríssimos leitores, já estão cansados de saber. Mas de vez em quando ainda descubro vinhos que não havia provado e que me surpreendem pela qualidade. E quando uma uva que comumente é vista em outros lugares aparece em um grande vinho e temos a oportunidade de provar, fica melhor ainda. Bom, eu falei tudo isso para que vocês pudessem entender o por que estou falando hoje do Ferrari-Carano Fumé Blanc 2013. Vamos saber um pouco mais sobre ele.


Primeiro, é interessante entender o "apelido" Fumé Blanc. Antes dos anos 1970, os vinhos feitos a partir da casta Sauvignon Blanc não eram vistos com bons olhos pelos americanos em geral. Desta maneira, o que se via por lá eram vinhos pobres, diluídos e sem carácter. Isto resultava em um baixo consumo e, no final das contas, em um ciclo vicioso. Mas foi ai que Robert Mondavi conseguiu um lote especial desta casta e buscou atingir outro patamar de qualidade no seu vinho, buscando inspiração nos grandes vinhos do Vale do Loire, na França. E tentando afastar seu vinho da imagem arranhada que os vinhos baseados em Sauvignon Blanc tinham na época, ele escolheu este "apelido" para seu vinho. E até hoje, grandes vinhos são feitos inspirados em Mondavi.

A Ferrari-Carrano possui quase vinte vinhedos em cinco apelações distintas do Estados Unidos: Alexander Valley em Sonoma (conhecido por produzir excepcionais Cabernet Sauvignon, Chardonnay e Syrah); Anderson Valley em Mendocino (reconhecido pelos Pinot Noirs); Dry Creek Valley em Sonoma (Pinot Noir, Chardonnay e Sauvignon Blanc); e Carneros entre Napa e Sonoma. É uma das últimas vinícolas de grande porte que ainda não foi adquirida por um dos conglomerados de marcas famosas. Há duas sedes, uma que produz vinhos tintos em Alexander Valley e outra que produz os brancos em Dry Creek Valley. Esta última é lar da Ferrari-Carano e é conhecida como Villa Fiore Wine Shop & Tasting Room, ou simplesmente de Estate Winery, sendo construída em 1981. Todos os vinhos Ferrari-Carano são vinificadas e mantidos em lotes separados até o momento do engarrafamento.

Agora falemos mais um pouco sobre a estrela do post, o Ferrari-Carano Fumé Blanc 2013. É um varietal 100% feito de uvas Sauvignon Blanc onde 65% do vinho estagia em tanques de aço inox e outros 35% em barricas francesas usadas por 4 meses, sur lie. Vamos as impressões?

Na taça o vinho apresentou uma coloração amarelo palha com reflexos dourados, muito brilho e ótima transparência. 

No nariz o vinho mostrou aromas de frutas tropicais e cítricas (pêssego, abacaxi, maracujá, limão siciliano) e toques de mel.

Na boca o vinho apresentou corpo médio (certa untuosidade) e boa acidez. Retrogosto confirma o olfato e o final é de longa duração.

Mais um grande vinho americano provado por aqui que acompanhou bem um risoto de peras com gorgonzola e uma fraldinha assada. Este é mais um que a SmartBuy Wines trás pro Brasil. Eu recomendo.

Até o próximo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário