quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Champagne De Margerie à Bouzy Grand Cru & Kazami Sushi: Que dupla!

Em comemoração ao dia dos namorados (Valentine's Day), que em outras partes do mundo é comemorado em 14 de Fevereiro (no Brasil é em 12 de junho), resolvi pegar minha esposa e ir a um restaurante japonês que temos perto de casa e que sempre me despertou curiosidade. Como gostamos bastante deste tipo de comida, a tentativa era valida. É claro que eu acabei optando por procurar levar um vinho para o lugar que pudesse mostrar que a ocasião era especial, e nada melhor do que um champagne para tal. E então fomos ao Kazami Sushi com o nosso Champagne De Margerie à Bouzy Grand Cru embaixo do braço. Vamos ver o que aconteceu?


O Champagne De Margerie à Bouzy Grand Cru é produzido pela Georges Veselle Vineyards. O falecido M. Veselle foi prefeito de Bouzy por 25 anos e era o ex-gerente de outras produtoras de vinhos e champagnes como GHMumm, Perrier-Jouët e Heidsieck & Co. Monopole; por isso ele sabia como ninguém o riscado na produção dos melhores champagnes, e seus filhos tomaram conta admiravelmente de seus negócios desde o seu falecimento. Georges Vesselle teve cinco filhos: Xavier, Véronique, Sylvie, Eric e Bruno. Os dois últimos dividiam com o pai a paixão por vinhas e vinhos, tornaram-se sócios de seu pai em 1993. Cada um tem um papel bem definido na propriedade. Eric, como gerente de produção, cuida das vinhas e é o enólogo. O Bruno é chefe de desenvolvimento de negócios e comunicação. Os dois irmãos trabalham juntos para criar os blends que compõem os diferentes vinhos base de seus champagnes. O Champagne De Margerie à Bouzy Grand Cru é um corte de 90% Pinot Noir e 10% Chardonnay. Vamos as impressões?

Na taça o champagne mostrou uma coloração amarelo palha com reflexos dourados, bom brilho e limpidez. Boa formação de perlage com borbulhas pequenas e abundantes. 

No nariz o champagne apresentou aromas de frutos cítricos, flores brancas, baunilha, panificação e algo sutil de amêndoas.

Na boca o champagne apresentou boa acidez e cremosidade. O retrogosto confirmou o olfato e o final era de longa duração. 

Detalhe dos sushis flambados com salmão, morangos e leite condensado

E claro que o companheiro deste champagne se saiu muito bem também, afinal o Kazami Sushi (unidade Mandaqui) é uma casa muito interessante de comida japonesa que apresenta um extenso cardápio de pratos a la carte além de dois tipos de rodízio: o básico, que nos dá direito a pratos quentes, sushis e sashimis variados (peixe branco, atum e salmão), shimeji, tempurá, guioza entre outros; já o rodízio especial conta ainda com frutos do mar em adição aos pratos já citados no básico. O local é muito bem decorado, limpo e climatizado, criando uma boa sensação para todos presentes. Além disso, o serviço é muito atencioso e o gerente sempre presente para verificar a satisfação dos cliente. A casa cobra 30 reais de rolha, o que achei justo pelo serviço oferecido. Vale conhecer!

Até o próximo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário