segunda-feira, 30 de novembro de 2015

Domaine Chatelain Pouilly-Fumé Harmonie 2013

Pouilly-Fumé pode ser considerada umas das mais famosas apelações de vinhos brancos quando falamos de França, e por que não, do mundo. Seus vinhos feitos a base da uva Sauvignon Blanc atingem insuperável complexidade e harmonia. Está localizada a margem direita do Vale do Loire na região centro-norte da França. Como curiosidade, o nome "Fumé" parece derivar do aspecto da uva quando mais madura, que acaba sendo envolvida por uma "flor"de aspecto acinzentado como também aos aromas esfumaçados que comumente são encontrados em vinhos da região.


Já o produtor deste vinho, o Domaine Chatelain, podemos acrescentar que o mesmo foi fundado em 1630 e que continua nas mãos da família, 12 gerações depois. A propriedade conta hoje com 30 hectares de vinhas de Pouilly Fumé AOC, repartidas em 6 dos 7 municípios da denominação, a saber: Tracy-sur-Loire - Pouilly-sur-Loire - Mesves-sur-Loire - Saint-Andelain - Saint-Laurent l'Abbaye - Saint-Martin-sur-Nohain. Esta geografia particular e parcelar cobre praticamente todos os diversos terroirs da AOC, gerando uma grande liberdade de criação e escolhas com o intuito de propor um vinho trabalhado, equilibrado e muito característico.

Finalmente, falemos agora do Domaine Chatelain Pouilly-Fumé Harmonie 2013. Como já dito anteriormente é um vinho feito 100% com uvas Sauvignon Blanc oriundas de vinhas com idades entre 20 e 30 anos. É vinificado em cubas de inox a temperaturas controladas e depois é engarrafado. Vamos as impressões?

Na taça o vinho apresentou uma coloração amarelo palha com reflexos dourados, muito brilhante e bastante límpido.

No nariz o vinho apresentou aromas de frutas cítricas, flores brancas e muita mineralidade. Leve toque herbáceo ao fundo.

Na boca o vinho mostrou corpo médio com um pé no untuoso com uma acidez deliciosa e salivante. O retrogosto confirma o olfato e o final era de longa duração.

Um belo vinho do Loire sem dúvidas, cai bem com o clima quente que temos por aqui e com comidas mais leves, principalmente a base de frutos do mar. Eu recomendo a prova.

Até o próximo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário