quarta-feira, 25 de março de 2009

Viajar é preciso!

Hoje resolvi falar um pouco sobre um de meus maiores, se não o maior, hobby que possuo: viajar. Eu tenho comigo um pacto que me faz ir em busca de conhecer outras culturas, outros lugares, cidades, estados, países. Este hobby faz eu me sentir muito bem, feliz, e agraciado por Deus.

A dica de hoje é sobre a cidade de Praga, capital e maior cidade da República Tcheca. É de longe a segunda cidade mais linda que eu já tive oportunidade de visitar em minhas férias entre dezembro de 2007 e janeiro de 2008, e só perde para Paris, na França. Um destino maravilhoso para quem busca diversão, tranquilidade e muita cultura.

Praga é impressionante durante o dia ou mesmo quando o sol se põe. Sua exuberante arquitetura se mostra imponente e preservada, mesmo após as guerras que assolaram a Europa, e é sem dúvida o marco e principal cartão postal da cidade. É um dos mais belos e antigos centros urbanos da Europa, sendo famosa por este incrível patrimônio arquitetônico e claro, sua rica vida cultural. Suas ruas e vielas estreitas com construções altas podem até intimidar em um determinado momento, criando uma sensação de que é muito fácil se perder, e realmente o é, porém se dê ao direito de se perder e você não irá se arrepender. Além disso, suas inúmeras praças e monumentos te levam a outras épocas da histórias, tornando este tempo em que se perdeu inesquecível.

Na história, Praga aparece ligada ao nome de grandes escritores e compositores, até por isso acabou por se tornar uma cidade fortemente ligada a produção literária de muita qualidade e a grandes concertos de música clássica. É muito fácil encontrar grandes salões ou igrejas que estejam divulgando um número muito grande de concertos de música clássica quando andando pela cidade, basta escolher seu compositor favorito e local que mais lhe agrada e apreciar excelente música.

Quanto a sua vida noturna, para aqueles que a apreciam, além dos inúmeros restaurantes de comida típica que se espalham por toda cidade (a comida é divina, muito bem servida e em porções generosas: tente comer o pato assado ou o goulash, você não irá se arrepender) existem grandes boates que juntam os jovens da cidade e os visitantes. É em Praga inclusive que se encontra a maior boate do leste europeu, com 5 pisos em ambientes de diferentes decorações e música que fica aberta até o dia amanhecer.

Enfim, enumerar os motivos para visitar a cidade é muito fácil e portanto deixo a cargo de quem já teve esta experiência de dividi-la comigo usando a caixinha de comentários do balaio. Ah, e a dica final é: aproveite e tente fazer a viagem para Praga vindo de algum outro país da Europa de trem, a vista durante a viagem é magnífica.

Nenhum comentário:

Postar um comentário