sexta-feira, 27 de março de 2009

Seleção Brasileira no domingo

Neste final de semana teremos mais uma rodada de eliminatórias para a copa do mundo de 2010 na África do Sul, com a seleção brasileira jogando as 18h (de Brasília) em Quito, contra a seleção do Equador. Mas o que eu queria discutir mesmo é a falta de identidade desta seleção atual com o povo brasileiro e a perda de interesse em jogos da seleção. Abaixo tentarei discutir e mostrar meu ponto de vista sobre os motivos geradores desta perda de interesse pela seleção nacional de futebol.

Nos dias atuais, o povo brasileiro sente a distância que nosso futebol tem de seus maiores ídolos e jogadores, uma vez que a maioria sai daqui muito cedo daqui e vai jogar na Europa. Sendo assim , a maioria dos brasileiros ainda não tem muito acesso para acompanhar estes campeonatos e quando estes jogadores são convocados criam este clima de indiferença. Estes “craques” por sua vez não demonstram muita vontade em honrar as tradições da seleção pois já tem a vida ganha e se importam mesmo é em arrumar maneiras de gastar seus dólares/euros com mulheres, curtição e baladas.

É notório também que os clubes brasileiros atraem maior interesse dos que acompanham o futebol, seja pela rivalidade que estes clubes tem entre si e mais do que isso, é possível acompanhar mais de perto seus jogadores e o dia a dia dos clubes. Além disso, normalmente os clubes brasileiros estão se valendo de”crias” de suas categorias de base, que normalmente sabem quais são as dificuldades do clube, que mostram mais vontade em vestir suas camisas e que cresceram acompanhado os craques “europeus” e se espelham nestes para mostrar suas habilidades em campos brasileiros.

Um fator um tanto quanto novo é que em virtude principalmente deste crise financeira sem precedentes, que também afeta os clubes europeus em sua maioria, alguns grandes jogadores estão retornando ao futebol brasileiro e acirrando ainda mais a rivalidade clubistica e atraindo mais o interesse dos brasileiros pelos seus clubes em detrimento a seleção brasileira. Posso citar dois exemplos recentes: Ronaldo e Fred.

Temos ainda como reforço os recentes fracassos enfrentados pela seleção brasileiras nas duas últimas competições importantes que disputou: Copa do Mundo de 2006 na Alemanha e as Olímpiadas de 2008 em Pequim. Não há como negar que quando existem tais tropeços, a onda de descrédito em cima de um trabalho evolua para uma aversão e falta de interesse sobre assuntos relacionados a seleção.

Para finalizar minha lista pessoal de motivos temos o controverso treinador da seleção, o Dunga, que ainda é considerado por muitos inexperiente e sem tarimba para o cargo assumido. Ainda pesam contra o ex-jogador as birrinhas criadas com determinados jogadores por motivos um tanto quanto fúteis, citando os exemplos da briga com Kaká e com Ronaldinho Gaúcho, por exemplo.

Agora que listei meus pensamentos acerca da seleção brasileira, gostaria que vocês leitores do Balaio pudessem deixar suas opiniões sobre o assunto se valendo da caixinha de comentários do blog e que torcessem, cada um de sua maneira e intensidade, para que o Brasil vença o Equador e que a seleção demonstre um futebol ao menos voluntarioso neste domingo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário