segunda-feira, 20 de julho de 2009

Padaria Dona Deôla

Este final de semana fui apresentado a mais uma dica gastronômica para quem mora em Sampa. É um estabelecimento que mescla num só lugar padaria, loja de conveniência, pizzaria e lanchonete. Estou falando sim da padaria Dona Deôla.

A história da padaria remete aos anos 40 quando uma imigrante portuguesa inaugurou uma padaria em perdizes para venda de suas deliciosas receitas portuguesas. E esta história durou por varios anos até que a Dona Deolinda vendeu a padaria e abriu outro negócio. Mas não demorou muito e os filhos e netos de Dna Deolinda resolveram homenagea-la e no mesmo local inauguram nos anos 90 a padaria Dona Deôla. A padaria inovou e mesclou conceitos de confeitaria, lanchonete e restaurante. Foi então que veio o sucesso.

De volta aos dias de hoje, a padaria possui 4 unidades (Alto da Lapa, Higienópolis, Granja Viana e Pompéia) todas funcionando no esquema 24 h. Pude então conferir um pouco das delícias que lá existem neste final de semana em companhia mais do que agradáveis de minha namorada e dois casais de amigos. Escolhemos então a unidade de Higienópolis, que seria a mais próxima para todos.

Dentre as diversas opções disponíveis na noite de sábado (pizzas, lanches, etc.) fomos para a opção que entendemos ser a mais diferente: um buffet noturno que incliua saladas, sopas, pães, tortas salgadas e doces além de diversas sobremesas. A preço único de R$ 20,90 e com início a partir das 18h, pode-se desfrutar de uma mesa bem servida de saladas, sopas (creme de cebola, sopa de feijão branco com linguiça, canja entre outras com direitos a incrementos de bacon e calabreza picados, queijo ralado, etc.), sanduiches de metro (pães tipo “baguete”recheados de queijos, salame, tomates secos, presunto, etc.), pães recheados diversos, torta de palmitos, salada de frutas, torta de brigadeiro e bolo de cenoura com cobertura de chocolate entre outros doces. As bebidas não estão inclusas, mas acabamos por incluir um belo vinho Carmen Cabernet Sauvignon, que era muito bom também.

Fica a dica então para os que assim como eu adoram uma comilança e a companhia dos amigos para aproveitarem a noite de sábado e colocar a conversa em dia e comer muito bem em um lugar despojado e sem mais frescuras.

3 comentários:

  1. O problema é que na Unidade Higienopolis voce entra vivo e pode sair morto por funcionarios da Padaria... Absurdo isso, porque empregar funcionarios que nao atendem bem aos clientes???

    ResponderExcluir
  2. Esta padaria tem que ser altamente processada por empregar funcionarios assassinos. Como que um estabelecimento apoia funcionarios deste calibre.
    Ataque-os a parte mais sensivel: o bolso!
    Processe! Processe! Processe!

    ResponderExcluir
  3. Deixo também meu protesto, pois embora depois a tal padaria (de cuja comida, aliás, não sou fã) tenha mudado de posição, a primeira reação após o crime, amplamente divulgada na imprensa, foi a de que a padaria não iria se manifestar, pois o crime havia ocorrido do lado de fora do estabelecimento. Resposta tão covarde, esta sim por parte do estabelecimento e não de um funcionário.

    ResponderExcluir