sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Tabali Reserva Syrah 2008

Este foi o vinho que acompanhou um pedaço da rodada esportiva da quarta feira a noite. Eu digo um pedaço por que como os jogos estavam chatos, acabei por me concentrar em outras atividades e fiquei no final só com o vinho mesmo.

Este vinho é da Viña Tabali, uma das grandes vinícolas chilenas que tem em seu portfólio, uma grande gama de opções de vinhos, sendo que a linha reserva se posiciona como vinhos de entrada. Localizada no Vale do Limari, região extremamente promissora no tocante a fabricação de vinhos de qualidade, onde os verões são realmente quentes pela manhã e frescos ao entardecer/anoitecer numa região com pouca chuva. Existe ainda a proximidade com o Deserto do Atacama e ao Oceano Pacifico, que traduzem carácter único a seus vinhos. Este vinho é feito com uvas 100% Syrah e passa por 12 meses em caravalho francês.


Na taça o vinho apresentou uma coloração violácea muito escura, quase negra e intransponível. Lágrimas finas, rápidas e muito coloridas também tingiam toda a volta da taça.

No nariz o vinho apresentava aromas de frutas vermelhas e escuras quase em compota, bastante maduras. Fundo com especiarias (pimentas) e algum tostado também para compor o leque aromático. Com algum tempo em taça era possível também sentir alguma coisa de chocolate amargo.

Na boca o vinho tinha corpo cheio e bem carnudo, boa acidez e taninos bem marcantes, firmes ainda, quase mastigáveis. Confirma compota e pimenta em boca e tem um final médio-longo com lembrança de chocolate.

Um vinho bastante correto, bem encorpado e que pode ser um pouco "over" para aqueles que preferem a elegância dos vinhos europeus. De qualquer maneira vale o quanto custa e eu recomendo.

Até o próximo.

Um comentário:

  1. Provei esse vinho quando fui ao Le tire bouchon, e harmonizamos com tirinhas de filet mignon ao molho de mostarde Dijon! A potencia do vinho aguentou a mostarda!! Ficou muito bom tb!
    beijo

    ResponderExcluir