segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Laurus Châteauneuf du Pape 2006

Sabe aquele final de semana em que você pensa e chega a conclusão que você quer celebrar a vida, as coisas boas pelas quais você tem passado, enfim, é aquele momento em que você quer abrir um bom vinho? Aliado a isso soma-se o fato de que você tem um banquete te esperando pro jantar? Pois bem, domingo foi um destes dias e por isso eu escolhi o vinho francês Laurus Châteauneuf du Pape para a tarefa.

A apelação de origem Châteauneuf du Pape é provavelmente a mais famosa quando falamos no Vale do Rhône, no sudeste da França. Nela é permitido o uso de até 13 variedades de uvas, mas normalmente seus vinhos são feitos com base nas uvas Grenache, Mourvédre e Syrah, como é o caso do exemplar em questão. O nome curioso da apelação se deu por que nos primórdios além da residência de verão dos papas católicos ser localizada na região, muito de seus vinhos eram feitos para suprir os estoques papais de vinho na época. O produtor é a Maison Gabriel Meffre, que possui diversas linhas de vinhos em algumas apelações na França. O vinho estagia de 12 a 14 meses em barricas de primeiro e segundo usos. Vamos as impressões sobre o vinho.

Na taça o vinho apresentou uma cor rubi com halo já tendendo ao granada, demonstrando alguma evolução. Lágrimas finas, rápidas, espaçadas e incolores contribuíam para o aspecto visual.

No nariz o vinho se mostrou bem elegante, com notas de frutas maduras/em compota, muita especiaria (pimentas), uma nota animal (couro) e alguma coisa de café torrado, ao fundo da taça. Era possível também sentir uma nota mentolada, que ia e voltava na taça. Tudo com muita elegância, sem agredir o nariz.

Na boca o vinho tinha corpo cheio, boa acidez, taninos firmes, presentes e bem integrados. Final de média persistência apimentado e com lembrança de geléia de frutas.

Um grande exemplar de Châteauneuf, que certamente ainda irá evoluir muito em garrafa mas que já apresenta grande potencial. Acompanhou divinamente uma paleta de cordeiro com ervas e cebolas e um risoto de shitake e tomate. Este foi trazido pelo Smartbuy Club e valeu o preço pago.

Até o próximo!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário