segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Zinfandelic 2006

Já tive a oportunidade de provar este vinho em uma feira de vinhos (aqui) mas por coincidência (ou não) o vinho fez parte da seleção bimestral da SmartBuy Wines para quem participa do Smart Buy Wine Club, e portanto descansava em minha adega até que no domingo eu resolvi degustá-lo de novo, para comparar.

Segundo o site do importador e do produtor, o vinho presta dois tributos: um, a cultura californiana dos anos 60 numa mistura rock n'roll, hippies, etc. e outro com relação a zinfandel, uva típica e emblemática dos EUA, com suas vinhas velhas no Condado de Amador County. Evidentemente o vinho é feito com 100% de uvas Zinfandel de vinhedos com mais de 40 anos aos pés das montanhas de Sierra Nevada na Califórnia, local com uma das maiores altitudes no condado. Ainda segundo o importador, o vinho recebeu 90 pontos da Wine Enthusiast, publicação americana especializada em vinhos. Vamos as impressões.


O vinho tinha em taça uma cor rubi violácea com boa transparência, límpida, brilhante e com bordas alaranjadas já demonstrando sua idade. Nada muito acentuado no entanto. Lágrimas lentas, finas e com certa cor.

No nariz o vinho abriu com aromas de frutas escuras como jabuticaba e ameixa preta, alguma coisa de couro e  carne defumada, um pouco de especiarias e um pouco de chocolate. Bastante complexidade.

Na boca o vinho me parece um pouco diferente da última vez que o degustei. Apresentou um corpo médio, boa acidez e taninos finos mas presentes e marcantes. No evento tive a impressão do vinho ser mais cheio, mais carnudo, mas nada que decepcionasse. Confirmou frutas e especiarias na boca e contou ainda com um final médio longo lembrando alguma coisa de cheese cake com cobertura de geléia de jabuticaba que minha mãe faz com maestria!

Mais um vinho bacana, correto, que valeu o quanto custou, sendo um bom representante da "família zinfandel americana". 

Até o próximo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário