quinta-feira, 30 de julho de 2015

Frog Prince Red Wine 2012

Em 1992, o empresário culinário Pat Kuleto adquiriu cinco parcelas de criadores de gado para criar um rancho de 761 hectares de terra na encosta selvagem da borda oriental do Vale de Napa, com vista para o Lago Hennessey, Pritchard Hill e as cidades de Rutherford e St. Helena. Lá plantou vinhas que incluiam cabernet sauvignon, sangiovese, pinot noir, chardonnay, syrah, zinfandel e muscat, vinhas estas plantadas em altitudes que variam 800-1450 pés. A construção da adega, considerada o estado da arte, foi finalizada em 2001, completando o vinhedo que tinha crescido para incluir pomares extensos, jardins e um rancho de trabalho com ovinos, aves, gado e peixes da propriedade Lake Brunello. O winemaker Dave Lattin e o gerente do vinhedo, Alberto Ochoa, cultivam e cuidam individualmente dos pequenos blocos de vinha em todas as fases do seu desenvolvimento, com foco em lotes tão pequenos como meia tonelada. E assim surgiram os vinhos da Kuleto Estate.


Sobre o Frog Prince Red Wine 2012 podemos acrescentar que é um blend de 58% Cabernet Sauvignon, 21% Merlot, 8% Petit Verdot, 5% Cabernet Franc, 5% Malbec e 3% Syrah e passa por envelhecimento de 27 meses em carvalho francês, sendo 30% destas barricas novas. Vamos as impressões?

Na taça o vinho apresentou uma bonita cor violácea intensa e profunda, com algum brilho e boa limpidez. Lágrimas mais gordinhas, lentas e coloridas também se faziam notar.

No nariz o vinho apresentou aromas de frutos vermelhos e escuros, coco, especiarias e toques florais.

Na boca o vinho era corpulento, musculoso, com boa acidez e taninos macios. O retrogosto confirma o olfato e o final era longo e saboroso.

Sem duvida mais um belo vinho americano que eu bebo e compartilho com vocês, que vale a prova, eu recomendo.

Até o próximo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário