quarta-feira, 1 de junho de 2016

Esporão Private Selection Branco 2013

Na semana passada tive a oportunidade de participar de mais um evento bem bacana, que foi o Qualimpor Wine Day, organizado pela importadora que dá nome ao mesmo (Qualimpor). O evento, assim como a importadora, tem seu foco nos vinhos portugueses e espanhóis, além de iguarias também de ambos países. E é de lá que vem o vinho que iremos falar sobre no post de hoje. Estou falando do Esporão Private Selection Branco 2013.


A pouco mais de 170 km a sudeste de Lisboa, junto à histórica cidade de Reguengos de Monsaraz, deparamo-nos com uma típica paisagem do Baixo Alentejo. É lá, por entre suaves planícies e vales pouco profundos escavados por ribeiras intermitentes, campos de cereais, vinhas e olivais que encontramos a Herdade do Esporão (produtora do vinho de hoje). Situada então no coração do Alentejo e integrada na Rota dos Vinhos da região, a Herdade do Esporão apresenta condições únicas para a agricultura e para o Enoturismo. Com cerca de 700ha de vinhas,olivais e outras culturas potenciadas pelo Modo de Produção Biológico e Produção Integrada. Neste território estão plantadas cerca de 40 castas, 4 variedades de azeitona, pomares e hortas.

Já sobre o Esporão Private Selection Branco 2013 podemos acrescentar que é um vinho feito com a casta Semillon, uva esta pouco usual se pensarmos em Portugal e Alentejo. Mas este é o intuito do uso desta casta neste vinho. o de desafiar o perfil mais conservador dos vinhos da região. Além disso o vinho é fermentado e maturado em barricas novas de carvalho francês sobre as borras (sur lie) e com o uso de batonnage, para que todo o vinho possa ter mais contato com as leveduras, com a madeira e para uma maior integração do mesmo com seus elementos. Eu diria que recebe um toque bordalês. Vamos as impressões?

Na taça o vinho mostrou bonita coloração amarelo palha de reflexos dourados com bom brilho e boa limpidez.

No nariz o vinho apresentou aromas de frutos tropicais bem maduros, chocolate branco, toques minerais, amêndoas e algo floral.

Em boca o vinho era untuoso e com uma bela acidez. O retrogosto confirma o olfato e o final era longo, saboroso e muito elegante.

Um belíssimo exemplar de vinho branco Alentejano, que só engrandeceu o evento com seu protagonismo. Parabéns a Herdade do Esporão pelo belo vinho e a Qualimpor por nos dar a oportunidade de prova-lo. Eu recomendo a prova.

Até o próximo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário