terça-feira, 17 de maio de 2011

Pratos ideais para você apreciar seus melhores tintos

O inverno está chegando, o frio aumentando a cada dia e cada vez mais os nossos vinhos tintos vão saindo da adega e se juntando aos melhores pratos que vamos comendo. Evidentemente a harmonização de vinhos e comida não é uma ciência exata e depende de vários fatores, assim como a percepção de que um vinho é bom pra cada um de nós. De qualquer maneira, replico aqui um texto interessante, mais um, retirado do catálogo de outono da Mistral.

Os bons vinhos tendem a melhorar muito quando acompanhados por um prato adequado. Em geral, muitas pessoas decidem primeiro o que querem comer e depois escolhem um vinho para combinar. No entando, muitos enófilos fazem exatamente o contrário: escolhem primeiro o vinho e em seguida o prato. Existem alguns pratos que são especialmente bons pra combinar com vinhos finos. Eles valorizam o vinho e fazem com que mostre todas as suas melhores qualidades. Em geral, a cozinha tradicional da Europa é muito feliz nas combinações, pois o vinho sempre faz parte da cultura destes países. Com tintos no estilo Bordeaux, ou finos Cabernets, nada melhor do que um bom cordeiro, filets em geral e pernil de vitela, por exemplo - pratos que combinam também muito bem com os Riojas, em especial o cordeiro ou um leitão assado. Para Borgonhas ou Pinot Noir, coelho, pato e aves em geral são bons acompanhamentos. Com vinhos como Barolo e Barbaresco, massas e risotti com molhos ricos e complexos, ou então assados em geral. Vinhos tânicos como Nebiollo ou Bairrada combinam bem com pratos mais godurosos, como leitão, porco e outros. Outra alternativa interessante é combinar vinhos de uma região com pratos típicos da mesma. Para pratos portugueses, vinhos portugueses, como arroz de pato com um bom vinho alentejano. Para pratos franceses de bistrot, um vinho francês simpático, como um petit chateau de Bordeaux ou um Côtes du Rhone. Para empanadas de carne, um saboroso Malbec argentino e assim por diante.

Vale ressaltar que estas são apenas sugestões e nem sempre podem vir a  agradar qualquer um. O importante é que a combinação seja prazerosa para quem está degustando no momento e, caso tenham sugestões, compartilhem comigo e com todos os outros leitores do blog através dos comentários.

Saúde e bom apetite!

Nenhum comentário:

Postar um comentário