sábado, 19 de julho de 2014

Salton Paradoxo Merlot 2012: Nova aposta da Vinícola Salton

No último Winebar realizado em conjunto com a Vinícola Salton, ainda em épocas pré Copa do Mundo, tivemos a oportunidade de provar mais alguns lançamentos deles para o mercado nacional. E foi daí que surgiu a chance de provar o Salton Paradoxo Merlot 2012. E este vinho se encaixa naquele velho mantra da boa relação entre custo e benefício que nós enófilos brasucas sempre estamos dispostos a garimpar. O que achamos sobre ele?


Sobre a Vinícola Salton já cansamos de falar por aqui e por isso irei poupá-los de mais amolação e repetição de histórias ok? Vamos ao vinho, que é o que interessa. Segundo o enólogo responsável pelo Salton Paradoxo Merlot, as uvas utilizadas (100% Merlot) na produção do mesmo vem da Campanha Gaúcha, região esta que inclusive tem ganhado reconhecimento de maneira bem rápida aqui dentre os nosso terroirs em virtude da qualidade das uvas (e consequentemente dos vinhos) que de lá tem saído. A Vinícola Salton inclusive tem investido pesado por lá e espera que o retorno se mantenha da maneira como tem tido hoje. O vinho, depois de todos processos inerentes a sua produção, passa por um envelhecimento de 6 meses em barricas (50% francesas e 50% americanas) quando ai sim é engarrafado, e disponibilizado ao mercado. Vamos finalmente às impressões?

Na taça o vinho apresentou uma bonita cor violácea de média para grande intensidade, com bom brilho e pouca transparência. Lágrimas finas, rápidas e com ligeira cor também faziam parte do aspecto visual.

No nariz o vinho apresentou aromas de frutos vermelhos maduros, algo que me lembrou fumo e ligeiro tostado. 

Na boca o vinho se mostrou de corpo médio, com taninos macios e redondos e uma acidez refrescante. Retrogosto confirma o olfato e o final é de média duração.

Um ótimo vinho em sua faixa de preço (em torno de 30 reais se não me engano) e que entrega o que se propõe. Acompanha uma boa pizza numa noite ordinária de sábado. Eu recomendo.

Até o próximo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário