quarta-feira, 21 de março de 2012

Pezzi King Vineyards Zinfandel 2009

E lá vamos nós com mais um exemplar americano oriundo das degustações promovidas pelo Beto Duarte. Desta vez um vinho feito com a casta Zinfandel, considerada como a uva símbolo norte-americana que embora não seja originária do país, encontrou por lá boas condições de se desenvolver gerando vinhos muito intensos, carnudos e normalmente muito potentes. E este não fugiu muito a regra, como iremos ver a seguir.

Sobre o vinho, o que eu pude especular um pouco é que ele é feito na região de Dry Creek Valley, no Condado de Sonoma, considerada a melhor região norte americana para a a criação deste varietal seja por sua diversidade de climas e solos ou ainda pelas altitudes em que alguns vinhedos estão plantados com a influência da costa criam condições consideradas excelentes para o amadurecimentos das uvas Zinfandel. Ao que me parece possui pequenas parcelas de Syrah e Cabernet Sauvignon para contrastar um pouco com a doçura gerada pela Zinfandel. Estagia em barricas de carvalho francês, 20% dos quais de primeiro uso. Sem mais delongas, vamos as impressões.


Na taça uma bonita cor violácea  intensa, brilhante e de pouca transparência era combinada a lágrimas finas, rápidas e ligeiramente coloridas que escorriam pelas paredes da mesma.

No nariz o vinho mostrou uma boa complexidade e agradou desde o início, com aromas de frutas vermelhas, especiarias, chocolate e leves toques florais e mentolados. Um buque aromático e tanto, que confesso, me encantou.

Na boca o vinho mostrou corpo médio, acidez um pouco baixa (considero normal e comumente encontrada em vinhos desta varietal) mas que não chegava a deixar o vinho sem graça e enjoativo, taninos finos e macios porém presentes e os incríveis 15,8% não se fizeram sentir em nenhum momento. Um final de média duração trazia as lembranças acentuadas do chocolate e frutas em abundância.

Mais um excelente vinho degustado por este que vos fala e que realmente me encantou. Eu recomendo principalmente para aqueles que gostam de vinhos potentes, com muita fruta e bom corpo. Não sei sinceramente qual a faixa de preço, mas se puderem, conheçam e não irão se arrepender.

Até o próximo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário