terça-feira, 4 de junho de 2013

Pérez Cruz Syrah Limited Edition 2010

Mais uma noite de frio, coisa que tem acontecido com frequência neste nosso Outono, com o Inverno já batendo a porta, me vi quase que obrigado a abrir um bom vinho e curtir a jantinha deliciosa que minha mulher havia preparado. Era também o final melancólico para um belo feriado em família, então nada mais justo que comemorar e brindar a isto e a essa nova vida que eu venho vivendo desde meados de abril. O escolhido para esta tarefa "hercúlea" foi o carnudo Pérez Cruz Syrah Limited Edition, fruto de minha viagem ao Chile em Abril do ano passado. 


Como já comentei sobre a vinícola em outras oportunidades (aqui e aqui) vou poupar vocês leitores de muito lenga lenga e tentar ir direto ao ponto. O vinho é um varietal Syrah (93%) com uma pequena parcela (7%) de uva Carmenére que passa cerca de 15 meses em barricas francesas maturando e afinando. Vamos as impressões.

Na taça um bonita cor violácea de grande intensidade, quase negra, com quase nenhuma transparência e pouco brilho. Lágrimas finas, rápidas e bem coloridas também tingiam as paredes da taça.

No nariz o vinho apresentou aromas de frutas vermelhas bem maduras, toques de pimenta e lembrança de tabaco e chocolate. 

Na boca o vinho era encorpado, com boa acidez e taninos finos porém marcados e bem presentes. Retrogosto confirma o olfato com frutas, toques apimentados e lembrança de chocolate num final de longa duração.

Já conhecia o vinho e por isso o trouxe quando fiz a visita a vinícola e só fiz confirmar sua qualidade. Excelente pra acompanhar pratos com carne e molhos mais fortes e apimentados. Foi bem também com brigadeiro de colher (não é piada, gosto da combinação de vinho tinto com doces a base de chocolate). Eu recomendo.

Até o próximo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário