quinta-feira, 3 de outubro de 2013

Vallon des Sources 2007

Voltando com a corda toda, fazia algum tempo que queria provar este vinho que estava relaxando em minha adega já faz algum tempo. Este é um exemplar Francês da região do Rhône, mais especificamente da apelação Côtes du Rhône Villages.

Como a minha garrafa se encontrava com o rótulo bem danificado, optei por uma foto do site do produtor.

Este vinho é fruto de uma cooperativa francesa de mais de 80 famílias, que tem em comum o amor pela viticultura e a passagem de geração para geração do ofício de enólogo. A cooperativa foi fundada bem no coração do Vale do Rhône aos pés das cadeias montanhosas de Dentelles de Montmirail. É produzido a partir de um corte tradicional de Grenache, Syrah, e Mourvèdre sem proporções conhecidas. Depois, é envelhecido em tonéis de madeira de 6 a 8 meses. Vamos as impressões.

Na taça uma cor rubi já com toques granada e ligeiro halo aquoso. Lágrimas finas, rápidas e sem cor também fazem do conjunto visual.

No nariz, o vinho apresenta aromas de frutos escuros, especiarias e leve lembrança balsâmica. 

Na boca o vinho apresentou corpo médio, acidez viva, taninos finos e macios. Retrogosto confirma o olfato e tem um final de média duração.

Mais um bom vinho, apresentado pela Smart Buy Wines a algum tempo atrás. Não me recordo o preço da época nem tão pouco tenho marcado por aqui. Vale de qualquer jeito e é uma opção aos vinhos do novo mundo pois desfila elegância quando colocado na taça. Eu recomendo.

Até o próximo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário