sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Andeluna Cabernet Sauvignon Reserve 2006: Argentina na taça!

Nossos hermanos comprovadamente sabem fazer vinhos e dentre eles, belos tintos e brancos aromáticos são meus preferidos. E normalmente quando pensamos em vinho argentinos logo pensamos em Malbec pelo lado dos tintos e Torrontés no lado dos brancos (pelo menos eu tenho essa impressão). Mas não é que hoje falaremos de um belo vinho tinto que foge da Malbec? Estou falando do Andeluna Cabernet Sauvignon Reserve 2006.


O vinho é feito pela Andeluna Cellars, vinícola esta que é relativamente nova, sendo fundada em 2003 por H. Ward Lay dos EUA e Ricardo Reina Rutini (Argentina), mas pelo nível de seus vinhos, creio que pode ser considerada um caso de sucesso. Mantém como consultor o famoso "flying winemaker" Michael Rolland. A Andeluna Cellars cultiva variedades tradicionais, como Malbec, Cabernet Sauvignon, Merlot, Chardonnay e Cabernet Franc em seus vinhedos localizados em Tupungato, Mendoza a mais de 1.300 metros acima do nível do mar.

Já falando do Andeluna Cabernet Sauvignon Reserve 2006, o vinho é feito com uvas que vêm de seu vinhedo situado em Tupungato, Mendoza a mais de 1300 m de altitude sendo que o mesmo é envelhecido em barris de carvalho francês e americano por um período de seis meses, seguidos de pelo menos 6 meses em garrafa antes do lançamento ao mercado. Vamos as impressões?

Na taça o vinho apresentou uma coloração rubi violácea de grande intensidade, pouco brilho e pouca transparência. Lágrimas finas, rápidas e ligeiramente coloridas compunham também os aspecto visual.

No nariz o vinho apresentou aromas de frutos vermelhos em compota, especiarias, chocolate e leve toque tostado.

Na boca o vinho se mostrou encorpado, com acidez ainda viva em face sua idade "avançada" e taninos macios. Retrogosto confirma o olfato e o final é de longa duração.

Um baita vinho argentino, gostoso e opulento que deve acompanhar bem carnes mais gordurosas e pratos mais encorpados. Apesar dos 15,4% de grau alcoólico não se faz sentir. Uma boa opção e me parece que sua faixa de preço seja adequada, embora tenha provado este em restaurante e não vi quanto foi pago. Eu recomendo.

Até o próximo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário