quarta-feira, 13 de maio de 2015

Bella Quinta Cabernet Sauvignon Reserva 2006

Eu gosto de ser surpreendido e quando isso acontece com um vinho que eu provo, é melhor ainda. Sabe que este vinho estava guardado em minha adega a algum tempo pois eu queria testar o envelhecimento do mesmo. E como o tempo deu uma boa esfriada nos últimos tempos aproveitei para fazer o teste. O vinho testado: Bella Quinta Cabernet Sauvignon Reserva 2006. Vamos ver no que deu?


A história do vinho em São Paulo se confunde com a história de São Roque, uma vez que a cidade já chegou a contar com mais de 100 vinícolas em sua época de fartura. É claro que quando falamos em vinho por lá, e até no Brasil de uma forma geral, muito vinho de garrafão (uvas não viníferas) está inserido nestes números, o que não descaracteriza no entanto o trabalho deste vinhateiros desde meados dos anos 20 / 30. E a Vinícola Bella Quinta não foge destas características. Chegando a quarta geração da família e em mais uma bem sucedida associação a vinícolas do sul do país (mais especificamente em Flores da Cunha) começam então em 2005 a fazer vinhos finos com uvas Cabernet Sauvigon. Mas o projeto é mais ousado e o Gustavo Borges, o proprietário da vinícola, e as pessoas que lá trabalham já fazem experimentos com uvas viníferas em solo paulista.

Sobre o Bella Quinta Cabernet Sauvignon Reserva 2006, podemos acrescentar ainda que passou aproximadamente 8 meses  em barricas de carvalho e mais um tempo em garrafa. Vamos as impressões?

Na taça o vinho apresentou uma bonita cor rubi violácea de grande intensidade com ligeiro halo granada. Lágrimas finas, em pouca quantidade e incolores também se faziam notar.

Na nariz o vinho apresentou aromas de frutos vermelhos bem maduros em primeiro plano. Depois especiarias e leve toque herbáceo.

Na boca o vinho apresentou o tripé acidez, taninos e corpo muito equilibrado, sendo macio e fácil de beber. O retrogosto confirma o olfato e o final era de média duração.

Um bom vinho para o dia a dia, que mostra boa evolução e que envelheceu de forma muito boa durante seus quase 10 anos de vida. Eu gostei bastante e recomendo a prova.

Até o próximo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário