terça-feira, 6 de dezembro de 2011

O "maior" winemaker do Napa: Yao Ming

A estrela da NBA lançou o Vinhos Família Yao, e seu Cabernet do Napa poderia elevar o vinho americano no mercado chinês.

No mercado de rápido crescimento para os vinhos de luxo na China , Bordeaux simboliza grandeza há vários anos. Mas o Napa Valley tem agora um novo embaixador para o mercado de vinhos premium - e um embaixador muito grande. Yao Ming, o recém aposentado e oito vezes All-Star da NBA e a mais proeminente lenda do esporte em sua China natal, diz a Wine Spectator que está lançando seus próprios rótulos de vinho, o Vinhos Família Yao. Yao vai lançar a safra inaugural de Yao Ming Napa Valley Cabernet na China em 28 de novembro (provavelmente já o fez dado que estamos em dezembro).

O pivô de 2,13m do Houston Rockets tornou-se um fã e um reforço do Cabernet da Califórnia durante seu tempo na NBA." Os vinhos do Napa Valley são os vinhos pelos quais me apaixonei quando eu morava nos EUA ", disse Yao, 31 anos, a Wine espectador. "Enquanto eu estava na estrada com os Rockets, os jogadores saíam para jantar juntos e alguns deles sabiam muito sobre o vinho, e eu aprendi com eles."

Há dois anos, Yao e sua equipe decidiram agir com o seu entusiasmo, na esperança de criar um bom vinho para representar o Napa Valley no crescente mercado chinês. Esta semana, a vinícola irá liberar o Cabernet Sauvignon 2009 em Pequim, Guangzhou e na cidade natal de Yao, Xangai. Um Reserva da Família Cabernet Sauvignon vai estrear no próximo ano. A vinícola também começará as vendas no mercado dos EUA no próximo ano.

Para a América, o maior impacto do vinho poderá ser como um símbolo de Napa Valley no crescimento do negócio do vinho no mercado chinês. "A China é o mercado prioritário" para o vinho, de acordo com Con Constandis, presidente e diretor-gerente da Pernod Ricard China, que está importando os vinhos para a República Popular."A California como uma região vinícola goza de prestígio bastante elevado entre os consumidores chineses, e, em particular, vinhos premium do Napa Valley tem uma imagem muito boa e estão gradualmente a se tornando bem aceitos pelos amantes do vinho sofisticado na China."

De acordo com funcionários da empresa, o Yao Ming Napa Valley Cabernet será vendido a 289 dólares uma garrafa, no segmento de mercado ultra premium, onde os rótulos de status de Bordeaux e Champagne residem. Quando a nova classe rica da China começou a beber os vinhos importados, clássicas regiões francesas, como Bordeaux, Champagne e, mais recentemente, Borgonha, foram suas primeiras aquisições. Os produtores do Napa têm trabalhado para ganhar uma posição na China nos últimos anos, mas pode ser um mercado difícil de entrar. Segundo dados alfandegários da China, a França possuía 47 por cento do mercado de vinho engarrafado importados em 2010. Os EUA veio em sexto, com uma participação de 6,4 por cento.

Yao Ming fez uma parceria com o enólogo Tom Hinde para criar seu rótulo de Cabernet do Napa. Yao tem observado o crescimento vigoroso da cultura do vinho na China nos últimos anos e vê potencial para um maior consumo de vinhos da Califórnia entre os consumidores. "Enquanto os vinhos franceses já criaram uma boa impressão até agora, as pessoas estão começando a descobrir os vinhos da Califórnia", disse ele. "A Califórnia tem uma boa reputação na China por seu estilo de vida, como um ótimo lugar para férias e para se divertir. Eu não só quero compartilhar [os vinhos] com o povo chinês, mas também compartilhar a cultura e a beleza do Napa Valley."

Para esse fim, Yao contratou o enólogo Tom Hinde para supervisionar a produção.Hinde trabalhou anteriormente como gerente geral da Estates Kendall-Jackson Wine, bem como presidente da Flowers Vineyard and Winery de Sonoma. (Yao é o principal acionista no projeto, enquanto Hinde e quatro outros investidores têm participações minoritárias.). A vinícola atualmente recorre a uvas de vários vinhedos do Napa Valley, incluindo Sugarloaf Mountain Vineyard, Turmalina Vineyard e Broken Rock Vineyard."Temos diversos inputs a maneira como as uvas são cultivadas nestas fazendas, por isso não estamos simplesmente comprando estas uvas", disse Hinde. O 2009 Napa Valley é uma mistura de 82 por cento Cabernet Sauvignon com Merlot, Cabernet Franc e Petit Verdot. É envelchecido por cerca de 18 meses em carvalho. De acordo com Hinde, o Família Yao produziu cerca de 5.000 caixas do Napa Valley e menos de 500 caixas do Reserva da Família para a safra de 2009. O último é envelhecido de 22 a 24 meses em carvalho antes do lançamento. 

Yao, que disse que seu estilo favorito é de grandes tintos (ele também gosta de vinhos doces), adaptou seus vinhos para o seu gosto. "Yao direciona o estilo do vinho", disse Hinde, e ele participa ativamente no blend do vinho. "Ele não é um especialista em vinho, mas ele é um aficionado pelo vinho e muito apaixonado. Yao é muito consciente das sutilezas texturais no vinho, a sensação na boca e a uniformidade, fruta e carvalho."

Agora, algumas uvas para a safra de 2011 ainda estão em cubas de fermentação, e os próximos meses continuarão a ser movimentados. Após as promoções de lançamento na China, haverá celebrações mais ligados ao Ano Novo Chinês no final de janeiro. Além disso, Hinde espera que o empreendimento possa comprar ou construir uma vinícola no Napa de maneira permanente. A produção permanecerá no mesmo nível para as safras de 2010 e 2011, mas podem haver muitas oportunidades para a expansão.Por agora, disse Yao, "Nosso objetivo é fazer vinhos de classe mundial no Napa Valley."

Nenhum comentário:

Postar um comentário