sexta-feira, 5 de agosto de 2011

O que são e como surgiram as confrarias?

Durante o meu curso de sommellerie e mesmo em rodas de amigos, degustações que frequento e assim por diante sempre discuti a formação de uma confraria, idéia essa que tomou "corpo" e fora incentivada pelas pessoas que frequentaram também o curso. Pensando nisso, resolvi pesquisar um pouco sobre as origens e história sobre as confrarias, como surgiram, quais eram seus fins e enfim, assuntos relacionados. E é essa a idéia deste post. Espero que gostem.

Primeiramente é preciso esclarecer o significado da palavra confraria, que é uma associação de pessoas para fins religiosos, congregação e/ou irmandade mas que com o passar do tempo teve seu significado expandido para algo mais próximo de um conjunto de pessoas que se associam, como irmãos, tendo em vista interesses, profissões e/ou objetivos comuns. No meu caso, o interesse comum que tem gerado a vontade de fundar uma confraria é apreciar um bom vinho, dicsutir sobre o assunto e ter sempre companhia de pessoas agradáveis.

Tendo esclarecido o significado, busquei um pouco sobre a origem das confrarias. Os primeiros relatos do surgimento da palavra confraria se deu na Europa durante a Idade Média e posteriormente houve uma expansão pelas colônias européias pela América e África durante a corrida pelo descobrimento do então chamado "novo mundo". No Brasil em especial as confrarias tem origem na congregação das religiões afro descendentes, como o candomblé, que vieram para cá trazidas pelos escravos. Estas confrarias que aqui se formaram tiveram papel importante em todo processo abolicionista, sendo a mais famosa a confraria da "Boa Morte". Evidentemente muitas destas confrarias (ou irmandades) religiosas existem até hoje, mas o uso da denominação confraria atingiu os mais diversos campos desde então.

Mas de volta ao meu caso, estou para fundar uma confraria relacionada aos vinhos, e para tal andei pensando em alguns passos iniciais. Inicialmente a idéia é marcar reuniões periódicas (mensais, por exemplo) para apreciação dos vinhos, onde cada participante leva uma garrafa. As reuniões devem ser planejadas e escolhidas em volta de um tema específico, como por exemplo país, varietal ou algo do gênero onde a cada reunião um confrade escolhe este tema. Escrever e postar os relatos das reuniões é uma idéia, já que este blog existe para "tarefas" como esta, por exemplo.Para um futuro a idéia é expandirmos as atividades e por que não montarmos um grupo e viajar para regiões vinícolas? Ou quem sabe visitar feiras e degustações conjuntamente? Tudo é possível, só depende de nosso interesse.

Assim que tudo estiver funcionando e as reuniões estiverem acontecendo eu voltarei ao tema e postarei minhas impressões.

Até o próximo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário